13 desafios que só pessoas altamente sensíveis entenderão

13 desafios que só pessoas altamente sensíveis entenderão

13 desafios que só pessoas altamente sensíveis entenderão

Você pensa demais e sente as coisas muito mais intensamente que os outros? Processa mais profunda e lentamente? Se você respondeu sim, é provável que faça parte dos 20% de pessoas que são altamente sensíveis. Então, o que isso significa?

Bem, ser uma pessoa altamente sensível, ou PAS, significa que você está naturalmente predisposta(o) a processar e perceber informações em um nível muito mais profundo do que a maioria. Você provavelmente é uma pessoa perceptiva, empática, intuitiva e autoconsciente.

As PAS também são pessoas emocionalmente inteligentes e incrivelmente criativas e apaixonadas.

Mas nem tudo são flores, sentir e processar com mais intensidade tem algumas desvantagens.

Portanto, sem mais delongas, aqui estão 13 desafios com as quais provavelmente as pessoas altamente sensíveis provavelmente se identificarão.

  1. Você não é compreendida(o)

Se você é uma PAS, provavelmente se sente mal compreendida pelas pessoas que te rodeiam. Como apenas uma em cada cinco pessoas tem essa característica de alta sensibilidade, pode ser difícil para outras pessoas se relacionarem com você. Além disso, as pessoas não sabem que a alta sensibilidade é um traço genético. Nascemos com isso, não é uma escolha. Então, é comum você ouvir: “você é sensível demais”, “você se importa muito”. As pessoas falam na tentativa de te endurecer, acreditando que está colaborando. Não está. Não sentir pertencimento ao grupo que você está é estressante e pode causar doenças físicas e emocionais.

  1. Você não suporta barulhos altos e lotados

Pensar em ir em uma festa ou bar movimentado parece meio terrível para você? Se sim, você pode ser uma pessoa altamente sensível. As PAS ficam facilmente sobrecarregadas onde há grandes multidões ou muita comoção. Eventos, como shows e festivais ou parques podem ser a ideia popular de diversão, mas para as PAS, isso pode soar como um caminho direto para um sobrecarregamento emocional. Para muitas PAS uma simples ida ao shopping center é um tormento. Então, quando uma PAS recusa um convite, elas não estão sendo ranzinzas ou chatas, estão somente se preservando. É que você já sabe que vai chegar em casa esgotada(o), sem energia para nada.

  1. Você costuma se sentir emocionalmente exausta.

Alguém já lhe disse que aprecia sua empatia? Que você está sempre disponível para ouvir e ajudar? Você tem sentimentos confusos sobre isso? Sente que a sua profunda empatia é desvantajosa? Uma característica fundamental de ser uma pessoa altamente sensível é que você sente as coisas mais profunda e intensamente do que outras e é comum a pessoa que te contou a dor dela, sair no final da conversa bem e você esgotada(o).

  1. Você examina tudo intensamente

Já esteve em uma situação em que seus amigos ficaram impressionados com a sua capacidade de analisar uma situação? Bem, é porque você percebe muitas coisas. Você é capaz de sentir o que as pessoas estão sentindo e perceber a energia do local. Você é muito detalhista. É bom também em perceber pistas não verbais e analisar o tom de voz de outra pessoa. Infelizmente, isso significa que você também tende a analisar demais as coisas, o que causa estresse. Você acaba desperdiçando tempo e energia com coisas pequenas ou sem soluções.

  1. Você não suporta conteúdos violentos

Que tal você ver um filme violento agora? Como ressoou este convite para você?  Se o que você está pensando ou sentido agora é “Não. Não. Não.” Este é um sinal que você pode ser altamente sensível. As PAS têm reações viscerais muito fortes contra a violência e a crueldade, mesmo que eles saibam que é falso, como um filme. PAS podem criar imagens perturbadoras que ficam por anos na sua mente.

  1. Você tem dificuldade em seguir em frente.

Será que uma separação de cinco anos atrás ainda arde como se tivesse ocorrido hoje? Não, isso não é estranho, é alta sensibilidade. As cenas ficam vívidas na sua mente por anos. Uma das desvantagens mais dolorosas de ser tão sensível é que você pode ter dificuldade em perdoar e seguir em frente, deixar ir. A ferida emocional não cicatriza e isso paralisa, especialmente as dores da infância.

  1. Mudanças te deixam desconfortável

Você sente ansiedade quando alguma novidade acontece? Como ir em lugar novo, uma viagem, comer em um restaurante pela primeira vez, conhecer alguém? É desconfortável mudar sua rotina? Quando você altamente sensível, o conhecimento de novos ambientes pode estar sobrecarregando você, porque você precisa absorver tudo antes de começar a se sentir confortável. E isso se estende para várias áreas da sua vida, como mudar de emprego, cidade ou um relacionamento.

  1. Você não reage bem a críticas e conflitos.

As PAS costumam ser pessoas mais gentis e delicadas. Elas são emocionais e de coração aberto, o que significa que lidar com elas requer uma abordagem mais cuidadosa.  Criticá-las, elevar sua voz para elas e ficar chateada com elas de alguma forma pode machucá-las profundamente, mesmo se vier com boas intenções. A relação entre intenção e impacto é muito importante para PAS. Muitas vezes ela antecipa a intenção da outra pessoa, essa pessoa nega a intenção percebida e pode estabelecer um conflito.

  1. Você não se sai bem sob pressão.

Já ouviu falar “sim, trabalho bem sob pressão” ou “pressão me faz melhorar”? Essas pessoas não são PAS. Prazos e pressões podem causar sérios problemas a uma pessoa altamente sensível. Elas odeiam ter que se apressar em qualquer coisa e fazer várias tarefas ao mesmo tempo. Costumam ser perfeccionistas e por conta disso podem ser procrastinadoras.

.

  1.  Você não sabe dar limites

PAS costumam ser muito compassivas. Elas se importam muito com o outro e com animais abandonados. Muitas se envolvem na questão do resgate e cuidado de bichos abandonados e se perder nesse lugar. Normalmente elas têm dificuldades em dizer não e podem se envolver em relacionamentos de co-dependência. A combinação PAS + narcisista costuma ser devastadora. Podem adotar a estratégia de salvador(a), para agradar a pessoa e evitar decepcioná-la e nesse lugar abandonam o autocuidado e tem dificuldades na prática de autocompaixão.

  1. Você é seu pior crítico.

Uma pessoa altamente sensível acha difícil aceitar seus fracassos pessoais. Fica martelando por anos por um erro pequeno do passado. O seu crítico interno é seu pior inimigo. Ninguém é mais duro ou mais exigente consigo do que uma PAS.

  1.  Você precisa de tempo sozinha(o).

As PAS não podem ficar perto de outras pessoas por longos períodos de tempo e alguns dias são simplesmente demais para elas suportarem, porque processam as coisas num nível muito profundo.  Elas precisam de mais tempo para descansar e se recuperar de toda a energia mental e emocional que perdem no contato com outras pessoas e lugares. Então é comum uma PAS se afastar de sua companhia em uma viagem por exemplo.

  1. – Você não pode funcionar sem dormir.

Não é ótimo quando você acorda depois de uma boa noite de sono? E não é exatamente o contrário quando você não faz? Como muitos de nós, PAS não se saem bem quando estão privadas de sono. Elas podem sentir os efeitos de ficar irritadas e nervosas mais do que outras. Isso ocorre porque, como estudos demonstraram, as PAS precisam de mais sono do que a maioria para funcionar bem.

Apesar dos problemas que listamos aqui, ser uma pessoa PAS é uma característica maravilhosa de se ter. Suas emoções profundas também significam que você tem uma enorme capacidade de compaixão, compreensão e bondade. A sua presença faz deste mundo um lugar melhor. É preciso apagar a crença que a sensibilidade é algo ruim e que não cabe neste mundo. Este mundo precisa cada vez mais da sua sensibilidade. Eu tenho um pedido para você, não se endureça, antes disso, aprenda a valorizar e proteger a sua energia. Fique atenta(o) pois o Jardim Consciente, oferece cursos gratuitos e treinamentos fechados para você amar a sua sensibilidade.

Compartilhe essa informação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Comentários